Ref. / EAN: 474816 5601377120084
Só com sessão iniciada poderá adicionar artigos aos favoritos
A obra "O Bom e o Mau Juiz" encontra-se no Museu do Fresco em Monsaraz, construído no século XIV. O tema deste trabalho incomum de arte é a alegria da justiça terrena. Dois juízes estão representados na parte inferior, o bom juiz, uma figura de retidão, e o mau juiz, símbolo da justiça corrupta. Preferimos destacar o bom juiz, um homem justo, digno e de reputação sólida, que inspirou este notável vinho Reserva.
ver mais
15.32 €/Lt
Produto Nacional
A obra "O Bom e o Mau Juiz" encontra-se no Museu do Fresco em Monsaraz, construído no século XIV. O tema deste trabalho incomum de arte é a alegria da justiça terrena. Dois juízes estão representados na parte inferior, o bom juiz, uma figura de retidão, e o mau juiz, símbolo da justiça corrupta. Preferimos destacar o bom juiz, um homem justo, digno e de reputação sólida, que inspirou este notável vinho Reserva.

Quantidade Liquida

  • 0.75 LT

Teor Alcoolico

  • 14.00

Ingredientes/Composição

  • CONTEM SULFITOS

Conservação

  • As garrafas devem repousar deitadas, com o vinho em contacto com a rolha, em local fresco, cerca de 12 ºC com alguma humidade (75% de humidade relativa). Estas condições deverão manter-se constantes durante todo o ano. Este vinho poderá ser consumido num curto espaço de tempo ou deixar estagiar 3 a 4 anos.

Informações

  • É um vinho DOC Reguengos. Na prova organoléptica apresenta-se de aspecto cristalino, cor rubi, aroma evoluído a compota e especiarias. Na boca apresenta-se vigoroso, com suaves taninos que lhe conferem um prolongado final de prova. Distingue-se pelas cara cterísticas regionais bem marcadas. Acompanha com pratos de caça e pratos de carne de porco tradicionais do Alentejo. Deverá ser consumido à temperatura de 18 ºC.

Denominação

  • Vinho tinto

Nome e Morada

  • Produzido e Engarrafado por: CARMIM COOP.AGRICOLA REGUENGOS MONSARAZ, CRL pt:Reguengos de Monsaraz Portugal

Origem

  • Reguengos de Monsaraz

Informação Adicional

  • Confirmar a informação no rótulo do artigo. Devido a possíveis alterações de embalagens e/ou rótulos, deverá considerar sempre a informação que acompanha o produto que recebe.

Informação de Marketing

  • A obra "O Bom e o Mau Juiz" encontra-se no Museu do Fresco em Monsaraz, construído no século XIV. O tema deste trabalho incomum de arte é a alegria da justiça terrena. Dois juízes estão representados na parte inferior, o bom juiz, uma figura de retidão, e o mau juiz, símbolo da justiça corrupta. Preferimos destacar o bom juiz, um homem justo, digno e de reputação sólida, que inspirou este notável vinho Reserva.

Produtor

  • CARMIM

Enólogo

  • RUI VELADAS E TIAGO GARCIA

Tipo de Vinho

  • Tinto

Castas

  • Syrah (20%), Alicante Bouschet (40%), Aragonez (40%)

Vindima

  • 2016

Estágio

  • O vinho estagia parcialmente em depósitos e o restante em barricas de carvalho francês durante um ano e meio.

Nota de Prova

  • Vinho de aspeto cristalino, cor rubi, aroma a compota de frutos silvestres maduros envolto em notas de especiarias. Na boca apresenta-se vigoroso, fresco, com taninos robustos que lhe conferem um final de prova longo e persistente.

Informações sobre o Vinho

  • Consumir de imediato ou durante os próximos 6 anos.

Harmonização

  • Acompanha com caça e pratos de carnes de porco tradicionais do Alentejo

Prémios ou Distinções

  • 0
Deve confirmar a informação no rótulo do artigo.
Devido a possíveis alterações de embalagens e/ou rótulos, deverá considerar sempre a informação que acompanha o produto que recebe.